mandrágora

associação cultural fundada em cascais – no ano de 1979

Categoria: performance

estivemos em EDITA 2018 – punta umbria

by mandragora79

e dissemos:

vai para muito tempo
pensamos
porque não fazer coisas compostas unicamente por imagens geniais?
porque não fazer coisas compostas unicamente por imagens que os outros não se atrevem?
porque não?
porque não romper com o mundo de hoje e gritar a independência
a sonolência a imagética sobrevivência

ainda que ninguém nos entenda

é que afinal
nós sempre entendemos
ainda que ninguém esteja interessado nisso

é que
nós sempre estivemos
interessados
e
desinteressados
por aquilo que é do interesse das maiorias uma vez que
nunca fomos conquistadores de prémios
nunca tivemos vagar para isso

construímos o fim para melhor entender o início
e
mergulhámos no balde do abjeccionismo
na poesia que rompe com os espaços correctos
e
se abre
ao insurrecto
ao tempo provecto

vai para muito tempo
pensamos
porque não fazer coisas compostas unicamente pelas imagens de poemas geniais?
perdemos 30 minutos à mesa de um café
ganhámos 40 anos de vida activa
construímos espaços sem espaço
construímos bicicletas de papel
bebemos chá de mandrágora do cantil de um velho feiticeiro
pedalámos no nosso velocípede

vai para muito tempo
pensamos
porque não construir imagens decompostas sobrepostas penduradas no quotidiano?

e
para finalizar uma pergunta:
como se chamava o vosso gato, o vosso antigo professor?
Se a resposta for a que todos esperam, bem podeis protestar, não tendes safa
e
durmam bem e sem animais monstruosos a esperar-vos à entrada de casa depois deste maravilhoso discurso!

e actuámos assim:

 

e vendemos livros com o joão rafael dionísio:

2018-05-04 16-42-382018-05-04 16-42-562018-05-04 16-43-18

e para o ano, talvez haja mais!?…

Anúncios

coisas do século passado…..

by domadordesonhos

EDITA de lisboa

by domadordesonhos

perf

é hoje que se inicia o EDITA de lisboa na sociedade guilherme cossoul. 

depois de uma anunciada paragem do projecto (na passada semana em EDITA punta umbria – espanha) a qual surpreendeu os participantes, o EDITA de lisboa terá lugar nos próximos 3 dias:… – 5ª, 6ª e sábado.

de salientar que dois elementos de mandrágora – manuel almeida e sousa e ricardo mestre – acompanhados de rafael dionísio do colectivo “chili com carne”, estarão presentes numa performance a realizar na próxima sexta feira à noite.

entrementes um outro histórico de EDITA – fernando aguiar – participará numa performance no sábado (noite de encerramento)

pela leonor verdura

by domadordesonhos

 

uma viagem ao interior de um movimento que neste país ganhou alguma forma nos anos 60. um movimento/projecto que deu corpo àquilo que é a poesia experimental/visual portuguesa.

actuações em Lisboa: Sociedade I. Guilherme Cossoul (Santos – Lisboa) – dias 29 e 30 de Novembro, 1, 7 e 8 de Dezembro, 31 de Janeiro, 1 e 2 de Fevereiro pelas 21:30 Horas

 

acção de mandrágora em EDITA 2012

by fundação velocipédica

mandrágora em edita 2012

by domadordesonhos

em punta umbria (espanha)- edita 2012 – mandrágora marcou presença com uma performance desenvolvida por manuel almeida e sousa e gonçalo mattos. 

movimento e acção de gonçalo

a queima de símbolos – a bandeira de união europeia – acto de manuel

mandrágora prepara uma outra viagem a espanha

by fundação velocipédica

as coisas não são parasitas da nossa  existência. tão só acompanham – com o seu significado secreto – o processo de confrontação narrado aleatoriamente.

e

numa cadência prosaica capaz de paralisar os artifícios que correm riscos de encobrir o temível vazio…

uma memória…

uma memória vivida e maquilhada

uma memória pronta para entrar em cena

uma memória de ocasião.

 

e

tudo isto é desejável num festejo

 

estamos a caminho de mais uma edição de “EDITA” – punta umbria/huelva